BlogHoteis.com

Argentina Lado B: lugares pouco conhecidos que vale a pena visitar em 2018

A Argentina está entre os países da América do Sul que mais recebem turistas todos os anos. Belas paisagens, riqueza cultural e o glamour das principais cidades já conquistaram os corações de muitos viajantes. Contudo, se você deseja fugir dos destinos clichês nas suas próximas férias, nada como conhecer cidades interioranas ou até mesmo bairros de Buenos Aires que são pouco conhecidos pelos turistas.

Afinal, conhecer os principais pontos turísticos da capital e passar o dia comprando presentes para os amigos e familiares é bom, mas a Argentina pode oferecer muito mais do que isso. Prepare-se para fazer as malas e ter experiências inesquecíveis em lugares pouco explorados pela maioria dos viajantes que visitam o país.

A diversidade das paisagens e das opções para conhecer a história e cultura local com toda a certeza irão te surpreender e render ótimas lembranças no futuro.

Surpreenda-se com os destinos da Argentina Lado B!

Palermo

O bairro nobre de Buenos Aires fica na região nordeste, sendo o maior da cidade. Embora não atraia tantos turistas quanto a região central do município, Palermo possui atrações cativantes para todos os gostos e idades.

Um desses pontos que chamam a atenção dos visitantes é o famoso Zoológico de Buenos Aires, muito procurado por alguns turistas e um dos passeios favoritos das crianças. Outro destaque são os Bosques de Palermo, um conjunto de parques planejados por paisagistas e que causam admiração pela bela vegetação, os lagos e as encantadoras roseiras. A região também oferece um leque de opções em gastronomia e entretenimento, como restaurantes, lanchonetes, cafés e discotecas.

De maneira geral, ele está dividido em sub-regiões não oficiais, mas que podem ser muito úteis para o roteiro da sua viagem. Confira:

  • Barrio Parque: essa é a área mais nobre e onde vivem as pessoas de classe mais alta em elegantes mansões.
  • Palermo Hollywood: região onde existem muitas produtoras de TV, rádio e cinema desde os anos 90. Hoje em dia também engloba muitas opções de bares, danceterias e boates.
  • Palermo Soho: conhecida pelas lojas de moda e design, cultura urbana e boutiques. Parada obrigatória para os fashionistas.
  • Palermo Viejo: reunindo história e cultura, essa é a área mais antiga. É possível observar a presença de tradições espanholas e italianas nas igrejas, restaurantes e centros culturais, herança da imigração.
  • Villa Freud: a zona residencial fica próxima da Plaza Güemes e o nome faz referência ao famoso psicanalista Sigmound Freud, pois há uma forte presença de psicólogos e psiquiatras morando na região.
  • Las Cañitas: arranha-céus, bares e restaurantes muito convidativos, além do Campo de Polo Argentino, aguardam os viajantes.

Salta

A cidade de Salta é capital da província de mesmo nome e está localizada no noroeste da Argentina. Salta fica a leste da Cordilheira dos Andes e faz parte do Vale de Lerma, conhecido por suas terras férteis e pelo famoso Rio Arenales. O crescimento urbano foi notável nos últimos anos, compondo a região conhecida atualmente como Grande Salta com vilas e povoados.

Os amantes de arquitetura com certeza irão adorar conhecer a cidade. Ela está entre os lugares do país que melhor preservou seu estilo colonial e é possível conhecer verdadeiros monumentos históricos ao visitá-la. A Igreja e Convento de São Bernardo foi construída entre os séculos XVII e XVII. O Cabildo Colonial data do século 18 e está perfeitamente preservado. Também é possível visitar diversas casas dessa mesma época. A Catedral e a Igreja e Convento São Francisco, por outro lado, são belos exemplos de arquitetura neoclássica.

Se você gosta de conhecer sobre a história da América Latina, há o Museu Colonial e das Belas Artes e o Museu Histórico do Norte, ótimas alternativas para colocar mais cultura e aprendizado no seu roteiro.

O Museu de Arqueologia de Alta Montaña também não deve ser deixado de lado. Localizado no centro da cidade, seu acervo inclui diversos artefatos de um antigo Santuário Inca, incluindo as múmias de LLullaillaco. Os curiosos não podem deixar de conhecer.

Salta também oferece uma opção de passeio como nenhuma outra para os aventureiros. A cidade é o ponto de partida do Trem das Nuvens, cuja rota inclui a região de La Puna e seu cenário desértico e altiplano, uma subida pela encosta dos Andes e diversos contrastes entre paisagens pouco exploradas pelo turismo usual na Argentina.

Cafayete

Ainda na província de Salta, é possível encontrar a pequena vila de Cafayete, cuja paisagem bucólica e construções coloniais encantam pelo charme e simplicidade. Contudo, não é o cenário camponês que anda chamando a atenção dos viajantes nos últimos anos: Cafayete está ficando famosa graças às suas vinícolas.

A qualidade dos vinhos produzidos ali surpreende, principalmente quando se trata do vinho branco. Os turistas que visitam o lugar, além da chance de degustar de um ótimo drink, também podem fazer da vila ponto de partida para os vales formados pelo Rio Caichaque e seus afluentes e ter contato com uma cultura diferente, conhecendo os povoados indígenas da região.

Outra parada obrigatória é o Moseo Regional y Arqueológico Rodolfo Bravo, que reúne artefatos arqueológicos descobertos na região, alguns identificados como pertencentes ao Império Inca e outros até mesmo mais antigos. O Museo de Vitivinicultura também é bastante visitado pelos turistas.

A Plaza Principal de Cafayate é o coração da vila e, claro, também merece uma visita. É um ótimo lugar para conversar com os moradores e conhecer outros turistas, sentar-se em uma das mesinhas de bar dispostas na calçada para apreciar um bom vinho ou cerveja e saborear uma das tradicionais empanadas argentinas.

Assim como na maioria das cidades e vilarejos antigos, próxima à praça do centro da vila fica a igreja, a Catedral de Nuestra Señora del Rosário, aberta a todos os católicos e não católicos que tenham a curiosidade de conhecê-la.

Jujuy

Em Jujuy é possível encontrar paisagens incríveis e um excitante cenário para aventuras, além de um contato mais direto com a natureza. A província está localizada no norte da Argentina e anda conquistando os viajantes mais ousados com suas grandes montanhas cercadas por muito verde.

A paz e a tranquilidade do lugar podem ser notadas no canto dos pássaros, no vento atingindo as árvores e os cactos e ainda podem ser observados vacas, lhamas e cavalos que pastam pelos campos. Um grande contraste com a movimentada e agitada Buenos Aires.

Na província de Jujuy, a mais ou menos 1.500 km da capital argentina, encontramos a Quebrada de Humahuaca, que recentemente foi oficializada pela Unesco como Patrimônio Cultural e Natural da Humanidade. E não é por menos: composto por montanhas cheias de cores e antiquíssimas estradas entre povoados muito antigos, o vale é de tirar o fôlego.

Para os viajantes que amam a natureza, a Quebrada de Humahuaca é o destino perfeito. Muitas atrações arqueológicas, culturais e naturais podem ser encontradas no vale, assim como em outras regiões.

Purmamarca

Ainda em Jujuy, é possível encontrar o povoado de Purmamarca. Rodeado pelo famoso Cerro de los Siete Colores e outras maravilhas naturais, como o rio homônimo, a região do povoado é uma digna demonstração do poder e da beleza natural em todo o seu esplendor. É possível chegar em Purmamarca pelo Aeroporto Gobernador Horacio Guzmán, que fica a apenas 90 km do povoado.

Os viajantes chegam com a impressão de que entraram em um cartão-postal e o melhor de tudo: conseguem evitar a aglomeração e agitação dos grandes pontos turísticos. Uma vez em Purmamarca, não se pode deixar de fazer o Paseo de los Colorados, um caminho que pode ser realizado de automóvel ou mesmo caminhando e desfrutar de paisagens magníficas. Muitos turistas se hospedam próximos à Plaza 9 de Julio.

A feira artesanal funciona permanentemente e nela é possível encontrar presentes, roupas, artigos de decoração e outras peças únicas fabricadas pelos artesões da região. Próximo ao povoado também se encontra o sítio arqueológico Huachichocana.

Do povoado partem excursões para as Salinas Grandes e a Lagoa de Guayatayoc, uma impressionante reserva de aves onde se podem observar a graça e a beleza dos flamengos cor-de-rosa. Os passeios cruzam a costa de Lipán, que já é por si só um imponente atrativo turístico natural.

Para quem se interessa sobre aprender um pouco sobre novas culturas ao viajar, o culto aos mortos é de grande importância e significado espiritual em Purmamarca. Visitas ao cemitério são tradicionalmente associadas ao encontro com o passado. Você encararia?

Não deixe de fazer o Paseo de los Colorados nas montanhas de Purmamarca, Argentina

Garanta uma viagem inesquecível na Argentina Lado B!

Viajar é sempre bom e na grande maioria das vezes é uma experiência única, nos apresenta novas possibilidades e diferentes maneiras de ver o mundo, as pessoas e a própria vida. Para tornar essa experiência ainda mais intensa, arriscar conhecer lugares novos e pouco visitados é sempre uma alternativa.

Deu vontade de conhecer a Argentina de uma maneira nova, fugindo dos roteiros convencionais? Então, deixe os receios de lado. Faça as malas e prepare-se para aproveitar a riqueza natural e cultural do país sem se perder em meio aos clichês.

E aproveite para fazer suas reservas e garantir todo o conforto para o seu passeio além de Buenos Aires e curtir cada momento sem estresse ou preocupações. Reserve o seu hotel em até 12x sem juros e sem IOF.

Boa viagem!

Hoteis.com

Adicionar Comentário

Hoteis.com em todo lugar!

Siga a Hoteis.com em todas as redes sociais

Tem um blog e quer fazer uma parceria com a hoteis.com? Escreva pra gente :-)
E-mail: hoteis.com@jeffreygroup.com