BlogHoteis.com
Viagem para Portugal

As 10 melhores atrações em Portugal

Muitos brasileiros ainda possuem algumas de suas raízes na velha pátria portuguesa. Por isso, existem tantos que buscam em uma viagem para Portugal dicas para se ligar um pouco mais com sua ancestralidade ou, apenas, conhecer mais um lindo país europeu.

Você pode aproveitar os diversos pontos turísticos de Portugal em uma viagem de férias, em família ou como parte de seu caminho de mochileiro. O país possui ótimas atrações turísticas que são destino, principalmente dos mais aventureiros e dos fãs de gastronomia.

Claro, dizer para você ir a Portugal é fácil. O difícil é escolher exatamente aonde ir, por onde passar e o que visitar. E você, certamente, pretende passar mais tempo viajando do que pesquisando, certo?

Por isso, para ajudar você a fazer uma bela viagem, já separamos aqui dez excelentes atrações disponíveis ao redor do país. Confira:

1. Oceanário de Lisboa

Este é um dos pontos turísticos mais visitados na Europa inteira. O Oceanário de Lisboa, como o nome sugere, é um grande aquário que abriga mais de 500 espécies de vida marinha. O tanque principal representa toda a variedade de animais dos mares de Portugal com centenas de espécies nativas e raras. Os grupos de animais expostos variam de acordo com a época do ano.

Considerando que este é um passeio bem educativo, é de se esperar que haja alguma atenção especial para as crianças. Ela vem na forma de mascote do Oceanário, o Boneco Vasco.

Para aproveitar melhor o passeio, compre os ingressos antecipados (mais baratos, diminuindo os custos de viagem a Portugal, inclusive) e tome cuidado para não quebrar as regras do local. Câmeras com flash ou outras luzes artificiais, por exemplo, poderiam incomodar os animais.

2. Pico do Arieiro e o Pico Ruivo

Já mencionamos que Portugal tem boas atrações para quem curte um pouco mais de aventura ao ar livre. Se este é o seu caso, os dois picos serão bons candidatos a melhores atrações. Localizados na Ilha da Madeira, o Pico do Arieiro possui um ponto de observação em seu topo, de onde parte uma longa trilha até o Pico Ruivo.

O trajeto dura aproximadamente três horas. E você vai se deparar com todo tipo de coisa no caminho, como mata, escaladas e vários túneis antigos. É importante levar uma lanterna, pilhas extras, usar roupas adequadas e, claro, estar preparado para alguma emergência. Nunca se sabe quando uma pequena trilha vai se tornar um acampamento.

Lisboa, Portugal

E mesmo que essa não seja sua praia, a vista e a lojinha de lembranças no início da trilha ainda fazem desse local uma parada maravilhosa. Na hora de planejar sua viagem para Portugal e quanto levar de dinheiro, lembre-se de que poderá ter muitas vantagens em passar nesse ponto turístico.

3. Estádio da Luz

Outra paixão que boa parte de Portugal compartilha com o povo brasileiro é o futebol. Também chamado de “A Catedral”, o Estádio da Luz é marca registrada da cidade de Lisboa e um dos maiores de toda a Europa.

Além de poder assistir os jogos, o local também possui um museu dedicado à história do futebol do país, contando a trajetória de vários clubes portugueses importantes. Quando você vai pensar em viagem para Portugal e ver o que precisa para o visto, logo pensará nessa atração turística.

4. Museu Calouste Gulbenkian

Já tentou imaginar como deve ser reunir uma grande coleção, investir milhões, apenas para que ela possa ser reservada e apreciada? Um cara em Portugal chamado Coulte Sarkis Gulbenkian, em meados do século 20, fez isso. Hoje há um grande museu que expõe sua coleção ao grande público.

Inaugurado em 1969, o museu possui mais de seis mil obras de arte, tanto moderna quanto antiga. Infelizmente, apenas mil e trinta estão disponíveis para a apreciação do público. Algumas delas são muito frágeis. Há dois círculos principais de obras: um de arte Oriental Clássica (Egito, China e Japão) e outro de arte Europeia (Portugal e Espanha).

5. Museu do Chiado

Continuando entre as atrações culturais, o Museu Nacional de Arte Contemporânea do Chiado, ou Museu do Chiado para os íntimos, é outra das grandes marcas da capital de portuguesa. A construção deste local, em 1911, foi um ato inédito em termos internacionais, reforçando a separação entre arte antiga ou clássica e moderna ou contemporânea.

O Museu é destinado a todas as obras de Portugal criadas depois do ano de 1850, que marca o surgimento da contemporaneidade. O acervo inclui pinturas, esculturas, filmes, desenhos, entre outros. Em alguns períodos, o museu também recebe acervos de artistas internacionais dessa vertente. Isso traz mais diversidade e agrega valor ao local como um todo.

6. Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra

Você provavelmente já ouviu falar do iluminismo e de como muitos de seus preceitos influenciaram a Europa e o mundo. Claro que Portugal não ficou de fora de todo esse efeito, sendo a Biblioteca Joanina uma das consequências. Com sua construção concluída em 1728, localiza-se no pátio da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

Se você fez tirou seu visto para intercâmbio em Portugal, a fim de fazer alguma pesquisa, essa é uma parada obrigatória. O acervo local conta com mais de 70 mil livros sobre as mais diversas matérias.

Apenas se acostume com o português europeu antes de começar a ler. E mesmo que estudar não seja seu principal objetivo, você ainda pode aproveitar o lugar por sua arquitetura barroca clássica.

7. Cais da Ribeira

Se você pretende curtir um pouco mais do litoral do país, a cidade de Porto é uma das suas melhores pedidas. O Cais da Ribeira é um local excelente para quem pretende apenas descansar, dar uma volta ou aproveitar um pouco mais do turismo gastronômico do país.

Há centenas de lojas de lembrancinhas, restaurantes e bares para escolher, que se encaixam em diversos planejamentos de custo de viagem para Portugal.

A história desse bairro tem seus altos e baixos. Ninguém sabe exatamente quando a região começou a ser habitada, mas supõe-se que tenha passado pelas mãos do império romano e recebido algumas das inserções muçulmanas, isso antes do império português.

Durante a revolução industrial, o grande número de pessoas provocou a degradação do bairro, que foi revitalizado apenas na década de 1970, tornando-se um ponto central de vários bares e restaurantes graças ao investimento estatal.

8. Zoomarine Algarve

Se você ainda quer um pouco mais de atrações aquáticas em sua viagem a Portugal, essa pode ser a atração de que você precisa. O Zoomarine Algarve é um parque aquático temático com excelente avaliação em toda a Europa.

O local faz vários shows com leões-marinhos, golfinhos, focas e até aves, além de todo o espaço para nadar e aproveitar o sol. Nada mal para quem curte uma piscina mais do que a praia.

Além da parte do entretenimento, esse parque também é conhecido pelas suas responsabilidades com relação à vida marinha e sua preservação.

Desde 2002, o Zoomarine possui um projeto de educação ambiental que auxilia direta e indiretamente na conservação da vida marinha. A instituição auxilia vários estudos feitos sobre as espécies preservadas no país, sendo reconhecida em todo o mundo como uma entidade de proteção ambiental.

9. Bairro Alto

Se você está procurando uma experiência mais “caseira” na capital de Portugal, o bairro alto é um dos melhores lugares para você visitar.

Bonde de Lisboa

Localizado no centro de Lisboa, sua origem vem desde o século 16, quando o Brasil mal tinha começado a ser explorado pelos portugueses. Sua construção já esteve bem associada à tipografia e ao jornalismo. História que se mantém nos nomes de algumas ruas, como Rua do Século e a Rua Diário de Notícias.

Sua fama como bairro de vida noturna começa nos anos 80, possuindo vários bares, restaurantes e comércios tradicionais, mas que ainda possui muito moradores jovens devido à alta procura. Também é famoso por receber boa parte dos jovens que fazem intercâmbio, podendo muito bem ser a sua morada temporária.

10. Terreiro do paço

Para encerrar sua viagem por Portugal, nada melhor do que umas compras e visitas a locais culturais mais tranquilos. A Praça do Comércio, mais conhecida como Terreiro do Paço, é uma zona próxima ao Rio Tejo, onde se localizava o palácio da realeza portuguesa. Hoje esse não é mais o centro governamental do país, recebendo outros tipos de ocupantes.

O primeiro destino do edifício após a saída da corte portuguesa foi receber órgãos públicos portuguesas. Hoje, alguns deles ainda estão lá, mas também existem muitos hotéis, cafeterias e atividades culturais sediadas no local.

Durante os anos 1990, o espaço foi muito utilizado como estacionamento, o que é lamentável. Você, felizmente, terá a oportunidade de aproveitar todo o acervo de apresentações culturais que acontecem por lá.

Agora que você já tem uma boa lista de destinos nesse lindo país, só precisa verificar passagens para Portugal a fim de agendar a sua viagem. Reserve seu hotel em Portugal em até 12x sem juros e sem IOF!

Hoteis.com

Adicionar Comentário

Hoteis.com em todo lugar!

Siga a Hoteis.com em todas as redes sociais

Tem um blog e quer fazer uma parceria com a hoteis.com? Escreva pra gente :-)
E-mail: hoteis.com@jeffreygroup.com