BlogHoteis.com

Dicas de como fazer a viagem dos seus sonhos sem gastar muito

Se você já disse essa frase: “Dinheiro eu não tenho, mas é cada viagem que planejo”, esse post vai mudar a sua forma de pensar. Quem não gosta de viajar e de aproveitar o melhor dos lugares, com hotéis luxuosos, restaurantes bacanas e fazer aquelas sonhadas compras antes de voltar para casa?

Pois bem, a viagem dos seus sonhos é possível, mesmo você não ganhando na loteria ou recebendo uma herança inesperada. Quer saber como? Planejamento. Simples assim. Uma das maiores dificuldades das pessoas é conseguir se planejar com antecedência para tirar do papel algum projeto. Como viajar, por exemplo.

Com algumas dicas é possível economizar até a metade do orçamento da viagem, sem abrir mão de conforto e de alguns luxos. Confira como conseguir essa “proeza” abaixo:

1. Escolha um destino que não seja muito badalado e onde o real seja mais forte que a moeda local
A escolha do destino é o ponto de partida de qualquer viagem, claro. Mas não basta escolher o lugar pelas suas preferências e gostos. Você deve escolher um local que não esteja sendo muito procurado pelos turistas e onde a moeda seja mais fraca do que o nosso real.

O Egito é um dos mais de 20 países onde o real é mais forte do que a moeda local.

Por exemplo, ao invés de viajar para os Estados Unidos ou para a Europa, prefira conhecer a África do Sul, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, Egito, Índia, e por aí vai. Existem mais de 20 países onde o nosso real é mais forte do que a moeda local. Basta dar um Google e pesquisar! (Mas deixe para fazer isso no final do nosso post, né?).

2. Aproveite a baixa temporada
Essa dica já é mais conhecida pelos viajantes, mas tem gente que não aprende (risos). Como é a lei da oferta e da procura que estabelece os preços dos hotéis e das passagens aéreas, já é de se imaginar que viajar em meses de baixa temporada (fora de períodos de férias escolares, de feriados ou de datas comemorativas) é mais vantajoso financeiramente.

Você pode economizar ainda mais nas compras de viagem indo direto para os famosos outlets.

Claro que o período de baixa temporada também varia de acordo com o destino escolhido. Por exemplo, a época mais barata para ir a Europa é durante o inverno. Ah, você sabia que até mesmo os preços dos restaurantes ficam mais em conta na baixa temporada? Portanto, aproveite!

3. Compre passagens aéreas com antecedência
Fazendo tudo com antecedência, você vai conseguir pesquisar as melhores tarifas aéreas, geralmente oferecidas com um maior desconto quando compradas meses antes do embarque.

Segundo especialistas, o melhor momento para começar a pesquisar voos é de 45 a 60 dias antes da data da sua viagem. Antes desse período é difícil fazer um bom negócio, pois as companhias aéreas ainda não sabem qual será a demanda para determinada data, a não ser em datas comemorativas, claro.

O melhor momento para começar a pesquisar voos é de 45 a 60 dias antes da data da sua viagem.

Dê ainda preferência a voos que saem de madrugada e nos dias de semana, que saem sempre mais baratos. Quem sabe você tem a sorte de achar uma boa promoção para viajar em classe superior pelo mesmo valor?

4. Pesquise preços de passagens aéreas em sites e buscadores
Muitas pessoas já utilizam sites de busca de passagens aéreas para pesquisar preços para diferentes destinos do mundo a partir da data da sua viagem. Com a listagem de voos mais baratos e mais caros em mãos, você poderá planejar melhor a escolha do seu destino e saber a quantia que terá que desembolsar para pagar as passagens aéreas.

Outra dica é usar os buscadores de passagens aéreas, uma ferramenta inteligente para encontrar os melhores horários de voos com os melhores preços. Eles servem como um sistema de alerta quando boas oportunidades surgem.

Os buscadores mais conhecidos hoje em dia são: Google Flight, Kayak, HipMunk, SkyScanner e ITA Flight Matrix.

Aliás, uma novidade que está começando a ser utilizada pelas empresas aéreas é oferecer planos para quem consulta esses sites e aplicativos de busca de passagens aéreas.

5. Utilize as milhas acumuladas
Aqui vai uma dica de ouro: Troque os seus pontos acumulados em programas de fidelidade do cartão de crédito para economizar na passagem aérea ou até mesmo viajar de graça! Essa dica também vale para garantir mais conforto no voo com um upgrade para uma classe superior.

Ah, lembre-se de escolher sempre a companhia aérea parceira do programa para acumular pontos em uma viagem que você já vai fazer.

Outra dica é comprar pontos para usá-los em uma oportunidade ideal. Fique de olho quando as empresas liquidarem os seus pontos adicionais, o que significa que você poderá comprá-los sem viajar. Com eles, você poderá agendar voos em classes superiores por preços bem menores.

Mais uma vantagem dos programas de milhas é virar membro dos clubes. É simples: você paga uma taxa, compra pontos mensais a um preço menor e participa de promoções exclusivas para os membros do clube. Os planos começam com R$ 35 por mês, que podem render até mil milhas.

6. Escolha o hotel de sua preferência no site da Hoteis.com
Essa dica você, que é leitor assíduo do nosso blog, já deve saber. Reservando o hotel de sua preferência através do site da Hoteis.com, a conta do hotel pode ser parcelada em até 12 vezes sem juros e sem IOF. Uma mão na roda, não?

7. Prefira hotéis recém-inaugurados
É fato que hotéis recém-inaugurados costumam oferecer mais descontos, ofertas e outros benefícios para atrair e fidelizar os hóspedes. Além de pagar menos com as despesas, você vai usufruir de instalações novinhas em folha e ainda aproveitar serviços e atendimentos mais caprichados.

8. Evite se hospedar em áreas turísticas
Você já deve imaginar que os preços dos hotéis localizados em áreas turísticas, normalmente no centro da cidade, são sempre mais altos do que nos demais hotéis do destino, não?

Pois bem, a nossa dica é que você procure por hotéis mais distantes das áreas mais badaladas, mas que sejam bem servidas de transportes coletivos, como o metrô.

Procure por hotéis mais distantes das áreas mais badaladas, mas que sejam bem servidas de transportes coletivos, como o metrô.

Ficar hospedado longe das áreas turísticas, como a Times Square, em Nova York, por exemplo, também pode ser uma grande roubada. Isso porque a poluição visual e a sonora podem dificultar uma boa e relaxante noite de sono. Lembre-se disso também na hora de escolher o melhor lugar para reservar o seu hotel.

9. Use programas de benefícios como o Programa de Recompensa da Hoteis.com
Companhias aéreas e redes de hotéis costumam oferecer um sistema de pontuação e de benefícios que podem reduzir muito os custos de uma viagem. Agora, puxando um pouco a sardinha para o nosso lado, a Hoteis.com oferece aos seus usuários cadastrados uma diária gratuita a cada dez diárias pagas.

Após realizar o cadastro no programa de fidelidade, o usuário já pode começar a acumular uma diária de hospedagem a cada dez diárias reservadas pelos hotéis cadastrados no programa, sendo necessário pagar somente o valor referente aos impostos e as taxas.

Acumulando cada vez mais diárias no Programa de Fidelidade Rewards, você poderá virar um cliente Gold ou Silver. O plano funciona como um cartão fidelidade, estratégia bastante utilizada por lojas físicas como uma espécie de bônus para os seus clientes mais recorrentes e ativos, fornecendo um serviço VIP. Chique, não?

10. Compre mercadorias de marcas famosas em outlets
Viajar, principalmente para o exterior, e não comprar nada é quase um sacrilégio. Mesmo com os preços livres das taxas, você pode economizar ainda mais nas comprinhas indo direto para os famosos outlets.

Existem opções de redes de outlets com grifes de luxo por toda a parte, principalmente nos Estados Unidos e na Europa. Basta pesquisar antes pela internet e aproveitar os precinhos camaradas.

11. Viva como um local
Para economizar durante a viagem e ainda evitar cair em armadilhas para turistas, procure ir onde os locais, ou seja, os moradores vão. Nunca pergunte por recomendações em um hotel, por exemplo. Muitas vezes, os recepcionistas são pagos para atrair clientes para alguns estabelecimentos. Prefira pesquisar antes de sair de viagem na internet ou pedir dicas para conhecidos que já foram ao lugar.

12. Reúna os amigos e viaje em grupo
Quanto mais, melhor. Viajar em grupo e alugar várias acomodações em um mesmo hotel pode ser uma boa estratégia para barganhar um desconto no valor da diária. Ou até conseguir café da manhã de graça, caso a refeição não seja incluída no valor da diária.

De qualquer forma, dividir os custos de uma viagem em grupo é muito mais vantajoso do que arcar com todas as despesas sozinho, como no caso de um passeio guiado ou alugar um barco ou um carro, por exemplo. Pense nisso!

Se animou em chamar a galera para viajar e dividir as despesas da viagem dos seus sonhos? Então, não perca tempo e marque aqui os seus amigos.

Hoteis.com

Adicionar Comentário

Hoteis.com em todo lugar!

Siga a Hoteis.com em todas as redes sociais

Tem um blog e quer fazer uma parceria com a hoteis.com? Escreva pra gente :-)
E-mail: hoteis.com@jeffreygroup.com