BlogHoteis.com

Como aproveitar Paris em poucos dias: guia das atrações imperdíveis

Um guia certeiro para quem quer conhecer o melhor de Paris em poucos dias

Que Paris é uma das cidades mais amadas e desejadas pelos viajantes, não há dúvidas. Mas muita gente fica indeciso sobre o que fazer na cidade e quais atrações valem a pena visitar, principalmente se não tem muito tempo para ficar na capital da França. Pensando nisso, nós pensamos em um post com algumas dicas do que é imperdível, para facilitar a sua vida na hora de bolar seu roteiro por uma das capitais mais incríveis da Europa. Separamos opções do que visitarem 3, 5 ou 7 dias de estada para curtir Paris em poucos dias.

Para facilitar todo o trâmite com hospedagem: aproveite para reservar seu hotel, pagando em até 12 vezes sem juros e sem taxas, pela Hoteis.com.

Viajem curta: roteiro de 3 a 5 dias

Começando por um ícone da cidade, ir a Paris e não ver a Torre Eiffel é o equivalente à ira o Rio de Janeiro e não subir até o Cristo Redentor. Por isso, reserve um tempinho para admirar esse ponto turístico. Independente se você for subir na Dama de Ferro ou se preferir olhá-la de baixo, não deixe de dedicar algumas horinhas do seu tempo para curti-la. A dica é comprar o ingresso para subir na Torre Eiffel pelo site oficial da atração. Assim, você não terá que enfrentar filas gigantescas.

Paris em poucos dias
Torre Eiffel, Paris

O Arco do Triunfo é outro ponto de interesse muito visitado em Paris. O monumento, que fica no finalzinho da Champs Elysees, tem 50 metros de altura. Ele foi projetado a mando de Napoleão Bonaparte para homenagear os heróis de guerra. Se quiser ver Paris de um outro ângulo, não deixe de admirar a cidade lá de cima.

Paris em poucos dias

E, claro, não poderíamos deixar de fora a principal avenida da cidade. Chamada pelos franceses de “A avenida mais bela do mundo”, a Champs Elysees é o coração de Paris. No total, são 1910 metros de comprimento, onde se concentram lojas, restaurantes, cafés e cinemas.

Paris em poucos dias
O topo do Arco do Triunfo oferece essa vista inacreditável na cidade e da famosa Champs Elysees

Saindo do Arco do Triunfo e passando pela Champs Elysees, você sairá na Praça da Concórdia. Se você gosta de história, visitar essa praça é um prato cheio. Um dos principais cenários da Revolução Francesa, foi aqui que várias personalidades, entre elas o Rei Luis XVI e Maria Antonieta, foram de capitadas. Pode parecer um ponto meio macabro, mas que vale a pena nem que seja para ver de pertinho o Obelisco instalado no meio da praça, a roda gigante e a fonte. O monumento foi um presente do vice-rei do Egito, Mehmet Ali, em 1831.

Paris em poucos dias
Além do obelisco a praça também tem uma roda gigante!

A bela, gótica e intrigante Catedral de Nobre Dame é parada obrigatória. Sua construção teve início no século 12 e demorou cerca de 200 anos até ser concluída. O lugar, que é o quilômetro zero da cidade, foi palco de vários acontecimentos importantes para a história da França, como, por exemplo, a coroação de Napoleão. Está com fôlego? Não deixe de encarar as centenas de degraus para ver de pertinho as gárgulas que “habitam” o topo da igreja.

Paris em poucos dias
Catedral de Nobre Dame

Outra igreja impressionante é a Basílica de Sacre Coeur, ou Basílica do Sagrado Coração. Sua localização é bastante privilegiada, ao topo do bairro de Montmartre, proporcionando ao visitante um visual de tirar o fôlego. Em estilo bizantino, a igreja tem uma peculiaridade: ela foi construída em mármore travertino. Mesmo com a ação do tempo, esta pedra faz com que a construção se mantenha sempre intacta e branquinha. Aproveite para passear pelo bairro e curtir toda atmosfera vintage/hyspter de Montmartre.

Paris em poucos dias
Basílica de Sacre Coeur

Cenário para “O Código da Vinci”, o Museu do Louvre é considerado um dos melhores museus do mundo. Aqui, tudo é megalomaníaco. A começar pelo tamanho de sua coleção. Além da Monalisa de Leonardo da Vinci, são mais de 30 mil obras de arte, objetos preciosos, pinturas, esculturas etc. Em um roteiro de 3 dias, fica impossível de visualizar grande parte deste acervo. Porém, nossa dica é que você, com o auxílio do site da instituição ou de um mapa do Museu, faça uma pré-seleção do que quer ver e quais áreas quer visitar. Isso otimizará sua visita e evitará que você se perca dentro do complexo.

Paris em poucos dias
Museu do Louvre e suas pirâmides de vidro

Ali pertinho, visite também o Jardim das Tulherias. Esse parque, localizado na margem direita do Rio Sena, é perfeito para relaxar e curtir um piquenique a la parisienne, em uma atmosfera bem europeia. Outro parque incrível e que merece um pouco do tempo é o Jardim de Luxemburg. Aqui, além do jardim, não deixe de admirar o Palácio de Luxemburgo, mesmo que do lado de fora, pois o lugar é considerado o jardim mais bonito de Paris.

Paris em poucos dias
Jardim das Tulherias

Não poderíamos deixar de fora das atrações imperdíveis de Paris um tour pelo Rio Sena. O passeio de barco por suas águas é uma atividade bastante tradicional e é interessante para ter uma panorâmica da cidade e avistar diversos pontos de interesse, como a Torre Eiffel, a Catedral de Notre Dame, a Ponte Alexander III e o Museu do Louvre. Se seu tempo na cidade for realmente escasso, não deixe de caminhar pelas margens do Rio mais famoso da França.

Paris em poucos dias
Passeio de barco no rio Sena

Para quem vai dar uma esticada: roteiro com mais de 5 dias na Cidade Luz

Com mais dias no roteiro, dá para aproveitar ainda mais o que Paris tem a oferecer, além dos principais pontos turísticos da capital francesa. Dentre as inúmeras opções culturais, vale a pena dar uma voltinha no Museu D´Orsay.

O destaque do lugar já começa por suas instalações. O D´Orsay fica no prédio onde, antigamente, funcionava a estação ferroviária Gare D´Orsay. Entre os pontos altos do acervo, estão obras de Van Gogh e Degas, mas vale ficar atento às exposições temporárias que o lugar abriga.

Paris em poucos dias

O Museu de L´Orangerie, que aparece no filme “Meia-noite em Paris” de Woody Allen, fica pertinho da Praça da Concórdia e inclui em seu acervo quadros impressionantes de Claude Monet. Além disso, vale conferir as obras de Cézanne, Matisse, Picasso, Modigiliani e Renoir. O museu é pequeno, mas proporciona um passeio bem agradável.

Por falar em passeios agradáveis e ambientes bacanas, o Museu Rodin exibe várias obras do escultor francês Auguste Rodin. O acervo fica no Hotel Biron, local que tem belíssimos jardins e era utilizado como ateliê pelo artista. O mais interessante é que Rodin, antes de falecer, doou suas obras para o governo francês mediante uma condição: que os governantes transformassem o antigo hotel em um museu dedicado à exposição de sua esculturas.

O Pensador, considerado uma das principais obras de Rodin, está em um ponto estratégico dos jardins, em um ambiente bem natural.

Paris em poucos dias
Museu Rodin

A Saint Capelle é uma verdadeira joia da arquitetura gótica. Aqui, o visitante encontra uma das capelas mais incríveis de Paris, toda ornamentada com vitrais coloridos, destacados conforme a luminosidade do dia. Na capela superior, o visitante vai poder conferir os quinze vitrais que recriam 1113 cenas da história da humanidade, desde o Gênesis até a Ressurreição de Cristo. Embora seu exterior não seja tão imponente quanto a Notre Dame, vale a visita.

Visitar o Hotel dos Inválidos é um mergulho na história militar francesa. O monumento tem uma enorme cúpula dourada, que pode ser vista de vários pontos da cidade, e abriga os restos mortais de Napoleão Bonaparte. O lugar, antigo abrigo para os feridos de guerra, dispõe do Museu de L´Armée, maior acervo militar da França.

Paris em poucos dias
Hotel dos Inválidos

Para ter uma vista privilegiada da cidade, não deixe de subir até o topo do Montparnasse, segundo prédio mais alto de Paris. O observatório do edifício oferece um dos visuais mais incríveis de Paris. Com uma altura de 210 metros, é um dos melhores mirantes para observar a cidade. De cima, é possível avistar alguns dos principais pontos turísticos da cidade como a Torre Eiffel, o Arco do Triunfo, a Champs Elysees, o Hotel dos Inválidos, etc. Uma dica: planeje sua visita para assistir ao pôr do sol do terraço.

Passear pelos jardins do Palácio de Versailles é viajar para alguns séculos atrás. Localizada a cerca de 20 quilômetros de Paris, o lugar ainda mantém toda a pompa e extravagância da realeza francesa. O castelo impressiona o visitante, seja por sua grandeza ou pela riqueza de detalhes na arquitetura e decoração. Em um espaço equivalente a mil campos de futebol, a área do palácio é considerada o maior domínio real. E os números grandiosos não ficam só em sua extensão. O palácio conta com 67 escadas, 2.300 cômodos e 2143 janelas. Já os jardins dispões de 300 estátuas, 55 fontes e 43 quilômetros de corredores. Incrível, né?

Paris em poucos dias
Jardins do Palácio de Versailles, Paris

Uma dica para aproveitar ao máximo as atrações de Paris é adquirir um Museum Pass, passe que dá direito a entrada em vários pontos turísticos da cidade. Com validade de 2, 4 ou 6 dias, vale a pena para quem quiser visitar o máximo de lugares no período. Outro ponto positivo é que, além de gerar economia, o visitante evita filas. Mas fique atento! Alguns pontos de interesse como a Torre Eiffel, por exemplo, não fazem parte do pacote.

Animado para visitar Paris? Não deixe de anotar nossas dicas e de aproveitar ao máximo sua estada na Cidade Luz. Ah! E não desanime caso não consiga ver todos os monumentos, palácios e museus. Paris é um destino para se desfrutar aos poucos e curtir belos momentos.

E não deixe também de conhecer nossas outras dicas sobre a cidade:

• Tudo sobre Paris, um guia para conquistar a Cidade Luz

• Fuja do Carnaval em uma viagem para Paris

Hoteis.com

Adicionar Comentário

Hoteis.com em todo lugar!

Siga a Hoteis.com em todas as redes sociais

Tem um blog e quer fazer uma parceria com a hoteis.com? Escreva pra gente :-)
E-mail: hoteis.com@jeffreygroup.com