BlogHoteis.com
foz do iguaçu

Foz do Iguaçu: conheça as cataratas e aproveite para fazer compras nos países vizinhos

Foz do Iguaçu é uma cidade localizada no extremo oeste do Estado do Paraná, mundialmente conhecida por causa das Cataratas do Rio Iguaçu. Graças à essa atração turística, a cidade é o terceiro destino mais procurado pelos viajantes no país e a primeira em toda a região sul do Brasil.

Quem vai até a cidade quer conhecer as Cataratas, a Usina Hidrelétrica de Itaipu, mas também quer aproveitar a proximidade com os vizinhos Argentina e Paraguai para fazer compras. Os preços convidativos de produtos importados nesses países e a valorização do real em relação às moedas locais também é um atrativo para quem está mais interessado nas compras.

foz do iguaçu

Como chegar

Dependendo da origem, há várias formas de se chegar a Foz do Iguaçu. Servida por estradas brasileiras, paraguaias e argentinas, a cidade tem fácil acesso para quem quer ir de carro, ônibus ou motocicleta. O acesso se dá pela BR-277, uma rodovia com pedágios que atravessa todo o estado do Paraná e costuma estar em bom estado de conservação.

Também é fácil chegar de ônibus, pois a rodoviária local tem boa estrutura e linhas de ônibus chegando de vários destinos importantes. É sempre bom ter em mente que a cidade está no extremo oeste do Estado, sendo, portanto, uma viagem bastante longa para quem parte de grandes capitais como São Paulo, Porto Alegre ou Rio de Janeiro.

Estrutura semelhante será encontrada nos dois países vizinhos, uma vez que as cataratas movimentam o turismo nos três países que a cercam.

Ir de avião parece ser o melhor negócio. As passagens não são muito mais caras do que as de ônibus ou do que o custo de carro, com a vantagem de ser feita de forma bem mais rápida e confortável.

Foz do Iguaçu é atendida por voos diários partindo das principais cidades brasileiras através do aeroporto internacional localizado na cidade. Para quem vem do Paraguai e da Argentina, há opções semelhantes em Cuidad de Leste (Paraguai) e em Puerto Iguazú (Argentina).

As cataratas

Chamar esse lugar de “cataratas” não é capaz de explicar com correção a magnitude do local. São 275 quedas d’água no Rio Iguaçu que fazem parte da bacia hidrográfica do Rio Paraná e estão localizadas entre os Parques Nacionais do Iguaçu (lado brasileiro) e Iguazú (lado argentino).

Para se ter uma ideia da quantidade de água que circula pelo sistema, a vazão média é de 1.746 m³/s, a segunda maior do mundo, perdendo apenas para as cataratas do Niágara, nos Estados Unidos, cuja vazão média é de 2.400 m³/s.

Comumente comparada também com as Cataratas Vitória no continente africano, as localizadas em Foz do Iguaçu são muito mais interessantes para o turismo devido ao formato escolhido pela natureza para esculpi-las. Com uma espécie de degrau no meio do leito do rio, a água desce por vários pontos diferentes, proporcionando pontos de vista bastante variados em relação às suas concorrentes diretas.

Tanto pelo lado brasileiro, quanto pelo lado argentino, o turista pode caminhar por passarelas e ver o espetáculo das águas de ângulos muito privilegiados. Passeios de helicóptero também estão disponíveis para quem pode gastar um pouco mais e não quer se molhar e ainda aproveita uma visão panorâmica das cataratas.

Uma grande vantagem das cataratas é que não há uma estação específica para a visitação. Apesar da maior quantidade de chuvas acontecer no mês de outubro e o mês mais seco ser julho, o espetáculo das águas permanece muito bonito durante todo o ano, sendo uma ótima opção para quem viaja fora de temporada.

Usina de Itaipu

Estar em Foz do Iguaçu e não visitar a maior hidrelétrica do mundo chega a ser um desaforo. Esqueça tudo o que você já viu em termos de magnitude ao visitar a usina. Tudo lá tem tamanho colossal e chega a ser difícil entender como foi possível realizar uma obra de engenharia daquele tamanho.

Faça o tour panorâmico para ter vistas impressionantes do complexo, tanto nas maravilhas da engenharia humana como nas incríveis paisagens naturais preservadas. A visita é realizada em ônibus de dois andares abertos em cima com paradas para explicações e fotos em vários pontos durante o trajeto. Há uma ótima visão do vertedouro de água, do painel feito pelo artista Poty Lazaroto em homenagem aos barrageiros, além da estátua do homem de aço e da bela visão do mirante central.

Não deixe de fazer também o passeio pelo circuito interno da usina. A visita ao interior dela é guiada e conta detalhes de como o complexo funciona. Os turistas podem ver as turbinas pelo lado de dentro e observar a atividade do motor de uma das unidades geradoras – somente ele pesa 1 milhão e 700 mil quilos, o equivalente ao peso de mil carros de grande porte.

Uma vez lá dentro, o visitante também pode colocar as mãos nos condutos de água e sentir toda a força através da vibração transmitida por eles. A visita ainda permite conhecer a sala de controle, observar os geradores e ter a oportunidade de colocar cada metade do corpo em um país diferente, uma vez que Itaipu é uma usina binacional operada em conjunto pelo Brasil juntamente com o vizinho Paraguai.

As visitas guiadas podem ser agendadas diretamente pelo site oficial da usina ou por telefone. Na cidade existem várias agências prontas para oferecer o serviço, inclusive em conjunto com os hotéis, não sendo difícil realizar o agendamento.

A antecedência apenas garante que existam mais ingressos, uma que devido ao alto movimento, os interessados de última hora poderão não encontrar mais vagas.

Parque das aves

Não é só de cataratas e usina que vive a cidade de Foz do Iguaçu. A cidade também possui outras atrações igualmente interessantes. Uma delas é o Parque das Aves.

Localizado numa grande área de preservação ambiental, o Parque das Aves reserva um contato bastante íntimo com a natureza, principalmente com os animais, com a entrada dos visitantes em alguns dos viveiros.

O parque possui mais de mil aves de 150 espécies distintas. Funciona todos os dias das 8h30 às 17h. Os ingressos são mais baratos para estudantes e idosos acima dos 60 anos, desde que brasileiros. Crianças de até 8 anos acompanhadas por um adulto também não pagam ingresso.

Compras no exterior

Os países vizinhos oferecem uma atração também bastante procurado pelos turistas: as compras. Com vários shoppings e lojas de vários tipos de produtos como roupas, perfumes, joias e eletrônicos, comprar no Paraguai ou na Argentina já é quase uma tradição nesse tipo de viagem.

Infelizmente, os preços praticados atualmente já não são mais tão vantajosos como costumavam ser há décadas atrás. Ainda assim, é vantajoso fazer a compra de produtos eletrônicos como celulares e notebooks no Paraguai, assim como produtos mais populares, isso para o caso de quem pretenda revende-los por aqui.

Uma das lojas que vale muito a pena conhecer é a Sax no Paraguai, loja em estilo americano de departamentos com marcas internacionais. É considerada a maior loja de luxo do Paraguai, com mais de 200 marcas internacionais de roupas femininas, masculinas e infantis, além de acessórios, óculos, decoração e muito mais! Não deixe de visitar o bistrô no último andar da loja. Compras e uma ótima comida, tudo que uma boa viagem precisa!

Já na Argentina, o produto mais procurado é o vinho. Com várias vinícolas, a cidade de Puerto Iguazú é bastante atrativa em preços, quando comparado ao brasil. A cidade também possui a tradicional duty-free, embora os preços não sejam tão vantajosos e seja melhor comprar produtos locais ou lembranças da viagem.

Ao cruzar a Ponte da Amizade é importante ter o seu passaporte em ordem e levar uma boa quantia de dólares em espécie. Lembre-se também de não exagerar nas compras. O governo brasileiro permite compras num limite de 300 dólares por pessoa, incorrendo em pagamento de taxas adicionais quando o valor é ultrapassado.

Onde se hospedar?

Foz do Iguaçu é uma cidade preparada para receber turistas e, por isso, a capacidade hoteleira da cidade comporta várias opções de tamanhos, localizações e claro, preços.

Se dinheiro não for um problema, uma boa opção é se hospedar dentro do Parque das Cataratas. O Belmond Hotel das Cataratas, de 5 estrelas, com uma vista espetacular das Cataratas do Iguaçu, localizado no interior do Parque Nacional de Iguaçu. Claro que o valor da diária acompanha toda a facilidade que um hotel como esse dispõe.

O mesmo tipo de estrutura que pode ser encontrada no Mabu Thermas Grand Resort, um hotel de grande área construída com ótimas opções de lazer com piscinas ao ar livre e até um bar molhado.

Para os visitantes que desejam aproveitar Foz do Iguaçu sem precisar gastar tanto com hospedagem, um hotel três estrelas já dá conta do recado. O Hotel Flôr Foz, por exemplo, está localizado bem no centro da cidade e oferece almoço, quartos com ar-condicionado e estacionamento gratuito. Uma boa opção para quem chega de carro ou de moto.

Dicas para viajar gastando pouco

Apesar de Foz do Iguaçu não ser uma cidade com altas e baixas temporadas, o calendário de viagens ainda é condicionado pelo período de férias da maioria dos trabalhadores. Isso significa preços maiores e mais filas maiores em julho e no período de festas de final de ano. Fora deste período, a tendência é encontrar preços bem mais em conta, sem perder nada do que a cidade tem a oferecer, muito pelo contrário, pois as atrações estarão mais vazias.

Outra dica para quem pretende ir a Foz do Iguaçu é planejar a viagem com antecedência. Reservar voos, hotéis e até os passeios é uma ótima forma de conseguir economizar sem precisar abrir mão de luxos ou de confortos.

Pesquisar com antecedência também é importante. Antes de ir ao Paraguai para as compras, informe-se sobre as melhores lojas, assim você vai direto aos locais em que os itens procurados estão disponíveis e com os melhores preços. A pesquisa também é a melhor arma para conseguir bons preços em hotéis, restaurantes e em aluguel de veículos.

Gostou do nosso guia sobre Foz do Iguaçu? Acompanhe esse e outros conteúdos conosco e aproveite e reserve seu hotel em até 12 x sem juros e sem IOF.

Hoteis.com

Adicionar Comentário

Hoteis.com em todo lugar!

Siga a Hoteis.com em todas as redes sociais

Tem um blog e quer fazer uma parceria com a hoteis.com? Escreva pra gente :-)
E-mail: hoteis.com@jeffreygroup.com