BlogHoteis.com
o que fazer em Porto Alegre

O que fazer em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul

Prepare a cuia e um bom mate para conhecer tudo o que fazer em Porto Alegre, a belíssima e encantadora capital do Rio Grande do Sul. Nada melhor do que um bom chimarrão para entrar no clima dessa cidade marcada por características muito próprias do povo gaúcho.

A saber, Porto Alegre é repleta de muita hospitalidade, comida boa, cultura, entretenimento e lazer. Difícil será escolher o que fazer na cidade. Mas relaxe, porque nós temos a solução. Tome na mão a cuia, anote nossas dicas e boa viagem!

Complete sua experiência na capital gaúcha conhecendo outras dicas já publicadas:

• Os 10 melhores hotéis de Porto Alegre

• Top 7 cidades para conhecer no Rio Grande do Sul 

• Serra Gaúcha: descubra o que fazer na região

Aproveite para reservar seu hotel em Porto Alegre pela Hoteis.com, pagando em até 12 vezes sem juros e sem taxas!

Veja o que você vai encontrar neste post completo:

O que fazer em Porto Alegre, a charmosa capital gaúcha

Culinária gaúcha: os melhores restaurantes em Porto Alegre

Como se locomover em Porto Alegre

Quando ir e quantos dias ficar em Porto Alegre

Como chegar a Porto Alegre

Onde se hospedar em Porto Alegre

Hotéis em Porto Alegre: dicas para sua hospedagem

O que fazer em Porto Alegre, a charmosa capital gaúcha

Certas cidades encantam pelas atrações turísticas. Outras, pelo acolhimento de seu povo. Algumas exaltam cultura e arte. E há aquelas que nos pegam pelo estômago, com um irrecusável apelo gastronômico. Porto Alegre, no entanto, reúne todos esses quesitos indispensáveis para uma inesquecível experiência de viagem. Mas vai além.

Escolher exatamente o que fazer em Porto Alegre pode ser uma missão difícil, a depender do período que você tiver para conhecer esse local que surpreende pelo charme, aconchego e pelas opções quase ilimitadas, em todas as estações do ano.

Há diversas opções de o que fazer em Porto Alegre
Há muita opções de o que fazer Porto Alegre durante sua estada

Vamos tentar, primeiramente, deixar um pouco de lado os passeios mais comuns, nos museus e teatros da cidade, onde também se respira a cultura gaúcha com todos suas sutis matizes e sabores. O bom mesmo é começar com um bom passeio ao ar livre.

orla do Lago Guaíba oferece muitas histórias e lendas e, em certos trechos – principalmente num passeio de barco –, possibilita opções de pesca e até praias para banhos, em Belém Novo e no Lami. Aqui, a dica é sempre checar a balneabilidade dos locais, divulgada pela Prefeitura.

A margem do Guaíba é uma das opções de o que fazer em Porto Alegre
Ainda às margens do Guaíba, aproveite para caminhar no espaço todo revitalizado

Ainda às margens do Guaíba, aproveite para caminhar no espaço todo revitalizado ou fazer um passeio de bike, locando uma delas no serviço por aplicativo. Ou ainda, faça um passeio de catamarã pelo lago, conhecendo lugares que surpreendem pela exuberância da natureza.

Depois, no fim da tarde, aproveite um fantástico pôr do sol. À noite, escolha um bom restaurante da região para apreciar o que há de melhor na culinária gaúcha.

Se você passou o dia ao lado do Guaíba, certamente ganhou esse dia na memória para sempre.

Conhecer o Mercado Municipal é uma opção de o que fazer em Porto Alegre
Não muito longe da orla, o viajante pode conhecer o Mercado Municipal de Porto Alegre

Não muito longe da orla, numa caminhada de uns 15 minutos, o viajante vai conhecer o Mercado Municipal de Porto Alegre. A verdade é que ninguém pode dizer que conhece Porto Alegre sem conhecer o Mercadão.

Os aromas, os sabores, os sons que nascem do burburinho entre as lojas vão ficar na memória muito mais do que qualquer outro monumento da cidade, por mais belo que possa ser. Então, escolha um lugar reservado e saboreie a matambre recheado, o “Xis” ou a “Vovó Sentada”.

Entre o que fazer em Porto Alegre, saboreie o matambre recheado
Escolha um lugar reservado e saboreie a matambre recheado

Calma lá, a gente explica! O matambre é o que deveria ser a parte menos nobre do corte de costela bovina. “Matambre” ou “matar el hambre” significa, em espanhol, literalmente, “matar a fome”. Mas eu digo “deveria ser a parte menos nobre”, porque, nessa receita recheada típica gaúcha, a saborosa carne se torna macia a ponto de derreter na boca.

Já o “Xis” é a forma carinhosa que os gaúchos apelidaram o “Chesse Gaúcho”, ou “Cheese Tchê”. Trata-se de um lanche em pão achatado, em que o queijo faz parceria com alguma carne – de preferência picanha ou carne de panela.

Por último, a “Vovó Sentada” é um biscoitinho em forma da letra “V”, muito comum no Sul.

Entre o que fazer em Porto Alegre, passeie pelo Parque Farroupilha
O Parque Farroupilha (Redenção) é ótimo para caminhadas e conta um pouco da história local

Ainda ao ar livre, dois parques ganham destaque na cidade. O Moinho de Ventos (conhecido como “Parcão”) e o Redenção, que também já foi “Parque Farroupilha”, uma homenagem à revolta separatista gaúcha que perdurou entre 1835 e 1845.

Ambos os parques possuem muita área verde, espaço para caminhadas, parquinhos para crianças e contam um pouco da história local. O Parque Redenção é tombado como Patrimônio Histórico e é o mais tradicional da cidade, onde famílias se reúnem no fim da tarde para um bom chimarrão.

Entre o que fazer em Porto Alegre, conheça o Parque Farroupilha
O Parque Redenção é Patrimônio Histórico e é o mais tradicional da cidade

Depois de bons passeios ao ar livre e de uma experiência sensorial no Mercado Municipal, você ainda pode visitar o Centro Cultural Mário Quintana, para o qual dá nome um dos expoentes literários do sul do Brasil.

Parte da casa do escritor continua intocada, com sua cama e criado mudo, exatamente como gostava Quintana. O Centro Cultural Mário Quintana está localizado no centro histórico de Porto Alegre.

O Centro Cultural da Usina do Gasômetro é um exemplo de o que fazer em Porto Alegre
Aproveite a viagem para conhecer o Centro Cultural da Usina Gasômetro

Ainda no centro histórico, que vale a visita em razão de vários locais perpetuadores da memória e da cultura gaúcha, está localizado o Theatro São Pedro, de arquitetura barroca.

Aproveite uma parte da viagem para conhecer também o Centro Cultural da Usina Gasômetro, o Museu de Ciência e Tecnologia da PUC e a Fundação Iberê Camargo, todos pontos turísticos que vão agradar muito ao viajante.

Culinária gaúcha: os melhores restaurantes em Porto Alegre

Além do citado Mercado Municipal, outra boa dica sobre o que fazer em Porto Alegre é aproveitar os sabores típicos variados de sua peculiar culinária.

Seja no centro da cidade, no centro histórico, ou ainda em outros locais um pouco mais afastados na orla do Guaíba, a variedade e a qualidade costumam andar de mãos dadas nos restaurantes típicos, sofisticados ou mais simples, de Porto Alegre. Opções para todos os paladares e limites de crédito.

Constantino

Localizado no bairro Moinhos de Vento, Constantino é o local ideal  para um jantar romântico. O ambiente é aconchegante e o jardim de inverno nos fundos é agradável a qualquer hora do dia.

A panelinha de cogumelos é um quitute delicado na entrada.

Os restaurantes são ótimo exemplo de o que fazer em Porto Alegre
Para sobremesa, experimente o petit gateau de chocolate do restaurante Constantino

Para o almoço, não perca o picadinho de filé com farofa temperada, arroz, banana à milanesa e couve refogada. Já no jantar, experimente o risoto de cordeiro.

Para sobremesa, o petit gateau de chocolate ou os churros com doce de leite são ótimas pedidas.

Cantina do Toco

Se você procura por uma boa opção para almoçar na Zona Sul, o restaurante italiano Cantina do Toco vai surpreender.

No inverno, fogões à lenha aquecem o local, todo decorado com objetos antigos. De entrada, experimente a caponata de berinjela com pão italiano. O filé à parmegiana é sempre um clássico, sem margens para erro.

Os restaurantes são ótimo exemplo de o que fazer em Porto Alegre
O filé à parmegiana é um clássico na Cantina do Toco

Se você aprecia uma boa massa, escolha o Fettucine Margarita, com pesto e molho de tomate. A sobremesa vem em pequenos potinhos e é produzida pela “mama”, a mãe do proprietário. Destaque para o tiramissú.

Fazenda Barbanegra – Parrilla

Se sua fome pede o melhor do churrasco gaúcho, saiba que o Restaurante Fazenda Barbanegra oferece um ambiente acolhedor e um atendimento amigável e atencioso.

Os restaurantes são ótimo exemplo de o que fazer em Porto Alegre
O Restaurante Fazenda Barbanegra oferece um ambiente acolhedor e o melhor do churrasco gaúcho

O cardápio disponibiliza pratos que agradam até os mais exigentes paladares, trazendo como destaque os melhores cortes das melhores carnes, preparados na autêntica parrilla uruguaia – que assa a carne apenas com o calor da brasa, sem espetá-la nem tostá-la –, mantendo todo o seu sabor e suculência.

Como se locomover em Porto Alegre

Porto Alegre é uma cidade que oferece boas opções de transportes público e particular, permitindo liberdade de escolha para o viajante. As mais populares são o metrô e, depois, os ônibus urbanos.

Já os táxis, Uber, lotação ou outro tipo de transporte possuem um custo mais elevado, mas oferecem maior comodidade.

De maneira geral, a frota de ônibus em Porto Alegre é bastante nova. Além do mais, a maioria dos carros conta com ar-condicionado, o que, no verão gaúcho, é quase indispensável.

Outro meio de locomoção muito utilizado é o metrô. A desvantagem é que ele cobre somente uma pequena parte da cidade, já que o principal foco é ligar algumas cidades vizinhas ao centro da capital.

o que fazer em Porto Alegre
Na orla do Guaíba, o turista pode contar com bicicletas de aluguel

A lotação, uma espécie de micro-ônibus mais seletivo, também é bastante comum na cidade. Assim como os carros por aplicativo, que, dependendo da distância a ser percorrida, valem mais a pena do que utilizar as outras opções.

Na orla do Guaíba, o turista pode contar com as bicicletas de aluguel. Contudo, para melhor curtir esse lado da cidade, desde o Guaíba até o Mercado Público, o melhor mesmo é ir caminhando, passando pelo Gasômetro e pelo Centro Histórico.

Quando ir e quantos dias ficar em Porto Alegre

A capital gaúcha é uma joia a ser descoberta aos poucos, com paciência e curiosidade. Durante o ano inteiro, a cidade se mostra convidativa aos turistas.

Evidentemente, quem prefere os dias mais frios – e bem frios mesmo – deve se programar para visitá-la no inverno. A desvantagem é que essa é considerada alta temporada para o turismo local, por isso, de maneira geral, a maior procura por hotéis e restaurantes podem elevar o preço da viagem.

Há muito o que fazer em Porto Alegre
A capital gaúcha é uma joia a ser descobertas aos poucos, com paciência e curiosidade

Muitos viajantes acabam preferindo as meias-estações, como primavera e outono, quando a cidade ainda apresenta características mais frias, sempre com um ventinho no fim da tarde, mas com preços mais amenos. Na primavera, os parques estão mais floridos. No outono, o céu e o pôr do sol são muito mais românticos.

Para finalizar, também existe quem prefira o verão, quando a cidade se apresenta mais leve e um banho no Guaíba pode ser uma opção refrescante. Porto Alegre pode oferecer temperaturas negativas no inverno, mas, no verão, elas podem chegar acima dos 30°C.

Faça sua escolha e as malas! Roupas quentes no inverno e roupas leves no verão.

Há o que fazer em Porto Alegre em todas as estações
No verão, a cidade se apresenta mais leve e um banho no Guaíba pode ser uma opção refrescante

O ideal é permanecer na cidade por, pelo menos, 5 dias, para aproveitar às margens do lago Guaíba, os parques, o centro histórico e ainda conhecer vários dos excelentes restaurantes que a cidade oferece.

É preciso desacelerar um pouco, tomar um chimarrão de verdade no parque, experimentar os sabores do Mercado Público, conhecer a autêntica cultura gaúcha e, claro, churrasquear com os amigos.

Como chegar a Porto Alegre

De São Paulo a Porto Alegre, em linha aérea, são 850 km. Por rodovias, são 1.130 km. De maneira que é fácil compreender por que existe uma preferência pelos aviões para se chegar até a capital gaúcha. A viagem aérea, com operação de várias companhias nacionais, a partir de São Paulo, pode demorar até 3 horas, dependendo das condições de voo.

Já a viagem terrestre, de automóvel, pode durar mais de 18 horas. Na verdade, é recomendável fazer o trajeto em duas partes, parando para descansar em Florianópolis ou arredores, por exemplo.

Há muito o que fazer em Porto Alegre
O ideal é permanecer em Porto Alegre por pelo menos 5 dias

O Aeroporto Internacional Salgado Filho possui excelente estrutura e raramente fica “sem teto” para pousos e decolagens. Há bons espaços para espera, amplos saguões para check-in, restaurantes, lojas e até prestadores de serviços, como farmácias e manutenção de celulares. O local é de fácil acesso à região central da cidade.

Por via rodoviária, a partir de São Paulo, o viajante vai percorrer a BR 116 até a região de Curitiba, mais precisamente até São José dos Pinhais, onde pegará o acesso pela BR 376, até Garuva, já no estado de Santa Catarina. Então, percorrerá a BR 101 até o quilômetro 222, na cidade de Palhoça, onde pegará a BR 290 até Porto Alegre, via Freeway. Ao todo, serão 12 pedágios até Porto Alegre.

Onde se hospedar em Porto Alegre

Se o viajante está à procura de um local próximo a tudo de melhor que a cidade tem a oferecer, a dica é procurar uma boa hospedagem próxima ao Centro Histórico. Não só excelentes restaurantes e opções turísticas se espalham por essa região, como também é possível seguir a pé até a orla do lago Guaíba e o Mercado Público.

Há opções de hospedagem de todos os tipos, desde hotéis mais sofisticados, para quem procura conforto e tranquilidade, até pousadas mais descoladas e aconchegantes, para os que procuram esse tipo de programa.

Há muito o que fazer em Porto Alegre, principalmente no centro histórico
Para quem está à procura de um local próximo a pontos turísticos, a dica é se hospedar no Centro Histórico

Contudo, os hotéis mais luxuosos estão na região do Moinhos de Ventos, próximo ao parque de mesmo nome, também conhecido como “Parcão”. Trata-se de uma região mais tranquila, onde restaurantes internacionais dividem espaço com churrascarias tradicionais.

Há ainda a opção da cidade baixa, com muito agito noturno, várias opção de bares e programas mais adequados aos que gostam de dar uma esticadinha no fim da noite.

Outro ponto bastante procurado é o bairro Floresta, próximo a metrôs, rodoviária e à área mais central da cidade. Seja qual for sua necessidade, há sempre um hotel ou pousada indicado para você.

Hotéis em Porto Alegre: dicas para sua hospedagem

Plaza São Rafael

O Plaza São Rafael localizado no Centro Histórico, a um minuto da Rua da Praia, oferece 283 quartos com ar-condicionado e Wi-Fi. Além do café da manhã servido em buffet como cortesia, o hotel coloca à disposição de seus hóspedes uma academia completa para treinamento físico, um terraço e uma lavanderia.

Entre o que fazer em Porto Alegre, há ótimos hotéis para se hospedar
Suíte, no Plaza São Rafael Hotel Porto Alegre

O hotel possui restaurante e bar/lounge, piscina interna e business center 24 horas, além de arrumação diária e serviço de lavanderia. Há estacionamento com manobrista e cofre na recepção.

Everest Porto Alegre Hotel

O Everest Porto Alegre Hotel está ao lado do Museu Júlio Castilho, no Centro Histórico de Porto Alegre. O hotel possui 44 quartos com ar-condicionado, academia 24 horas, estacionamento, business center, café e chá na área comum, sala de jogos com fliperama e buffet de café da manhã gratuito, com pratos quentes e frios.

Entre o que fazer em Porto Alegre, há ótimos hotéis para se hospedar
Quarto Solteiro Deluxe, no Everest Porto Alegre Hotel

O hotel possui restaurante próprio e oferece arrumação diária dos quartos, além de serviço de lavanderia e cofre na recepção. Camas extras podem ser obtidas com sobretaxa.

Piazza Navona By Intercity

Os 62 apartamentos do Piazza Navona possuem ar-condicionado. O charme fica por conta do bar e do restaurante ao lado da piscina, com pratos especiais a la carte para os hóspedes. O business center funciona 24 horas por dia e há arrumação diária dos quartos, bem como serviço de lavanderia.

Entre o que fazer em Porto Alegre, há ótimos hotéis para se hospedar
Quarto Twin Superior , no Piazza Navona by Intercity

O hotel oferece ainda lavanderia, biblioteca, estacionamento e café da manhã como cortesia, além de Wi-Fi e recepção 24 horas.

 Hotel Deville Prime

Em plena Avenida dos Estados, o Hotel Deville coloca à disposição dos hóspedes 236 quartos com ar-condicionado e arrumação diária. Oferece ainda as comodidades de um restaurante no próprio hotel, bem como um bar/lounge e piscina externa.

Entre o que fazer em Porto Alegre, há ótimos hotéis para se hospedar
Quarto Deluxe, no Hotel Deville Prime Porto Alegre

Uma academia à disposição, estacionamento com manobrista, business center e serviço de lavanderia, complementam o conforto. Para os hóspedes em viagem a negócios, o Deville possui espaço para conferências e translado de ida e volta para o aeroporto.

Swan Molinos Business

A menos de 15 minutos de caminhada até o Moinhos Shopping, o Swan Molinos é um hotel com 72 apartamentos com ar-condicionado e arrumação diária, além do serviço de lavanderia.

Entre o que fazer em Porto Alegre, há ótimos hotéis para se hospedar
Quarto Casal Luxo , no Swan Molinos Business

O hotel possui uma equipe multilíngue para auxiliar hóspedes de outros países, bem como um business center que funciona 24 horas por dia. Há sala de reunião disponível, estacionamento com manobrista, café da manhã e centro de bem estar. O Wi-Fi é gratuito.

Gostou nas nossas dicas?

Aproveite para conhecer as ofertas especiais da Hoteis.com de hotéis em Porto Alegre e reserve já o seu hotel em até 12x sem juros. Aproveite o melhor da capital gaúcha!

Hoteis.com

Adicionar Comentário

Hoteis.com em todo lugar!

Siga a Hoteis.com em todas as redes sociais

Tem um blog e quer fazer uma parceria com a hoteis.com? Escreva pra gente :-)
E-mail: hoteis.com@jeffreygroup.com