BlogHoteis.com

Valle Nevado abriga a melhor estação de esqui da América Latina

Valle Nevado é garantia de diversão nas férias de inverno

Com a chegada da época mais fria do ano, muita gente já planeja viajar para um destino de neve. O Valle Nevado, no Chile, é o destino perfeito para quem quer ver neve sem ter que viajar para outro continente.

O Resort de Valle Nevado fica a cerca de uma hora de distância da capital Santiago e é um dos melhores destinos para curtir o inverno no hemisfério sul. Lógico que um dos principais atrativos do lugar é a prática de várias modalidades de esqui.

No total, o Valle abriga 39 pistas voltadas para o esporte e que contempla 4 níveis diferentes, de acordo com a intensidade desejada. Um passeio e tanto para quem quer descansar tendo uma paisagem bem distintas do que se encontra aqui no Brasil.

Para reservar seu hotel pagando em até 12 vezes sem juros e sem taxas, confira as opções de hospedagem disponíveis na Hoteis.com.

valle nevado

Quando ir ao Valle Nevado: melhor época para encontrar neve

Uma das dúvidas mais recorrentes do viajantes é quanto a melhor época para visitar o destino e aproveitar as atividades na montanha, que fica no topo da Cordilheira dos Andes, a 3 mil metros de altitude. Embora o fenômeno neve dependa muito das condições climáticas, o melhor período para programar sua viagem é entre os meses de junho a setembro. A temporada de esqui no Chile corresponde ao período da última semana de junho até a última semana de setembro.

Mas, afinal, como garantir que você realmente vai encontrar neve durante sua estada no Chile? Mesmo que você programe sua viagem para o inverno, saiba que a neve aparece com mais força e em maior quantidade entre julho e agosto.

Mas há alguns passos importantes para garantir que haverá neve em um determinado dia: primeiro, é preciso acompanhar a previsão do tempo, analisando as temperaturas mínimas e médias e as condições climáticas para os próximos dias. O site do Valle Nevado Ski Resort tem sempre disponível essas informações, além de mostrar as condições de cada uma das pistas de esqui e de informar se os 17 teleféricos do complexo estão em funcionamento.

Se você quiser fazer um bate-e-volta para o Valle Nevado, saindo de Santiago, a dica é ficar de olho, literalmente, nas webcams instaladas na montanha. As imagens são disponibilizadas no site do Resort e transmitidas em tempo real. Assim, é possível conferir se as paisagens do Valle já estão branquinhas. Pretende curtir alguns dias na capital chilena? Confira dicas de onde se hospedar em Santiago, neste post.

valle nevado

Outra maneira de ficar por dentro é acompanhar o facebook da estação de esqui. A página sempre lança informativos sobre a possibilidade de nevasca. Calma, nevasca, neste caso não costuma ser uma coisa ruim, mas sim um indicativo de que haverá neve. Outro detalhe importante é que não basta apenas nevar, é preciso que haja acúmulo de neve o suficiente para a prática de esqui ou snowboard.

Imagens da webcam, em tempo real, a condições da montanha, mapa das pistas e outras informações sobre o complexo estão disponíveis aqui.

O que fazer no Valle Nevado

Com uma paisagem de tirar o fôlego, apenas a imagem da Cordilheiras dos Andes toda branquinha já seria um motivo e tanto para ir ao Valle Nevado. Logo, as opções de entretenimento dependem muito do que o turista procura. Há quem viaje para o Valle Nevado com o foco em praticar esportes de inverno, mas também há aqueles que buscam contemplar o cenário branquinho tomado pela neve.

Independente de qual for o seu foco, temos a certeza de que sua visita ao destino será inesquecível. A diversão por aqui é garantida, seja ao esquiar ou criar seu próprio boneco de neve ou participar de uma guerra de neve.

Ao optar por conhecer o Valle em um passeio de um dia, o visitante vai aproveitar o lugar mesmo que não seja para esquiar. A Curva 17 é o espaço que recebe os visitantes não hospedados no complexo.

Aqui, há lojinhas, aluguel de equipamento para esqui e snowboard, guichê para comprar os tickets para esquiar, o ponto inicial do teleférico com cabines fechadas e lanchonetes. O ticket teleférico dá acesso a todos os teleféricos da montanha, mas a circulação de pessoas que não vão praticar os esportes de neve fica restrita a área chamada de Gôndola. Do teleférico que passa sobre as pistas, o visitante chega ao Bar Zero. Daqui, é possível observar a movimentação do esporte e, quem sabe até, criar coragem para praticar o esporte.

valle nevado

Vale a pena também subir até a área onde estão os hotéis e os restaurantes do complexo. Os visitante podem embarcar em um ônibus que sai a cada 15 minutos da Curva 17 e deixa os visitantes na boca do gol, ou melhor, do complexo hoteleiro.

Dentre os estabelecimentos instalados aqui, o mais refinado é o La Fourchette, que tem cardápio especializado na culinária mediterrânea e conta com um terraço com a bela vista das pistas de esqui ao fundo.

valle nevado

Quer um ambiente mais descontraído e pé no chão? O La Leñera une um ambiente colorido com a informalidade dos esquiadores que frequentam o lugar. Com uma lareira, seu ambiente é bem aconchegante e quentinho. Aqui, as pedidas são: o lanche mechada, que leva carne de panela, queijo e cebola caramelizada ao vinho, e o fondue de queijo gruyére.

valle nevado

Quanto custa esquiar no Valle Nevado?

Quem se hospeda em um dos três hotéis que fazem parte do complexo tem acesso livre às pistas e a todos os teleféricos do Valle. Para os demais visitantes, é necessário comprar os tickets à parte.

Antes de mais nada, é preciso adquirir um ticket e, depois, efetuar as recargas. O ticket custa 5 mil pesos chilenos. As diárias custam: 49.500 pesos para adultos de até 65 anos, 37.500 para pessoas acima de 65 anos ou crianças entre 5 e 11 anos e 18 mil pesos para crianças de até 4 anos. Estudantes universitários entre os 18 e 24 anos têm desconto. Ao apresentar a carteirinha de estudante, o valor da diária é de 38 mil pesos.

valle nevado

Se você pretende ficar vários dias no Valle Nevado para praticar esqui, outra opção é adquirir o passe para a temporada. Nos meses de maior procura pelo destino, o preço do passe semanal também fica mais alto em comparação com outras épocas. Para adultos entre 12 e 65 anos, o passe custa 250 mil pesos.

É sua primeira vez esquiando? Por isso, aconselhamos que você faça algumas aulinhas básicas com os instrutores, tanto para aprender alguns macetes, quanto para adquirir uma certa segurança no esporte. É importante, para evitar qualquer tipo de perrengue ou acidentes na pista, que você opte por algumas aulinhas práticas, antes de se aventurar no esporte.

Há tanto aulas coletivas, quanto individuais, oferecidas pela Escola de Ski & Snowboard. Uma aula em grupo, com duração de uma hora, custa 43 mil pesos. O valor da aula individual é 62 mil CLP. É possível também optar por um pacote de aulas coletivas. Neste caso, os preços variam entre 81.500, 120 mil e 195 mil CLP.

valle nevado

Para crianças que querem dar os primeiros passos nessa modalidade esportiva, há uma escola específica. Voltado para crianças de 4 a 11 anos, a escola oferece aulas com duração de um ou meio dia, com ou sem equipamento incluso. Aulas com duração de meio dia custam 42 mil pesos chilenos. Já, com o equipamento, sobem para 50 mil. As aulas de um dia incluem almoço e saem por 79 mil pesos, sem os aparatos para esqui, ou 82 mil, com equipamentos.

Não tem roupa específica para o esqui? Fique tranquilo. No Valle Nevado Ski Resort, há uma loja onde você pode alugar equipamentos e roupas adequadas para o esporte. O Set Ski normal para adulto e normal criança custam, respectivamente, 26 mil e 22 mil CLP. Já, para alugar apenas os equipamentos para praticar ski, os preços caem para 17 mil, para adulto, e 14 mil, para crianças.

valle nevado

Vale lembrar que o Resort oferece ainda alguns combos, pelo Ski Days 2018, para quem quer esquiar ou apenas curtir a belíssima paisagem do alto do Valle Nevado. O ticket para iniciante, com duas horas de aula coletiva e equipamento sai por 78 mil CLP, para adulto, e 68 mil CLP, para crianças. Sem a aula, o combo com ticket e aluguel do equipamento custa 68 mil pesos, para adultos, e 54 mil, para crianças.

Quem não for esquiar, mas precisa de roupas adequadas para encarar o frio e a neve pode optar pelo combo do aluguel de roupas. Ele inclui parca, calças, luvas, botas ou óculos e sai por 26 mil CLP para adultos e 23 mil CLP para crianças.

Outros combos abrangem o passeio na gôndola (teleférico fechado) e o almoço na montanha. O preço para somente o passeio na gôndola varia entre 32 a 42 mil, aos finais de semana, e 25 a 32 mil, em dias úteis. Pelo Ski Days, um almoço no renomado La Fourchette sai por 27.900 para adultos ou 13.900 para os baixinhos.

Se ainda está em dúvida com a viagem, dá uma olhada nesse vídeo incrível de como é a experiência na melhor estação de esqui da América Latina:

Gostou do nosso post e/ou tem mais dicas sobre o Valle Nevado? Deixe seu comentário!

Hoteis.com

Adicionar Comentário

Hoteis.com em todo lugar!

Siga a Hoteis.com em todas as redes sociais

Tem um blog e quer fazer uma parceria com a hoteis.com? Escreva pra gente :-)
E-mail: hoteis.com@jeffreygroup.com